Propósito: o que todos deveriam ter no trabalho e na vida

Propósito: o que todos deveriam ter na vida

É uma honra fazer parte desta comunidade e poder contribuir para que as pessoas possam usar o trabalho não só para sobreviver, consumir ou ganhar dinheiro mas, também para construir uma sociedade de que todos nós vamos nos orgulhar.

É sentir o privilégio de levantar pela manhã, certo que,  além de contribuir para a sociedade, vamos nos preencher de uma alegria infinita acima de tudo nos divertindo. Trabalhar com o nosso propósito ou vocação é, antes de tudo, não ver o tempo passar. É termos o privilégio de nos tornarmos pessoas melhores todos os dias.

Contribuir para que as pessoas possam se superar, que possam dar o melhor de si parece bastante poético e pouco prático numa sociedade que está extremamente perdida, tomada pelo torpor e que na sua maioria não faz a menor ideia do que está fazendo aqui.

Entretanto, sinto que todos nós estamos finalizando um ciclo e exigidos de cumprir uma missão. Creio que, para sermos bem sucedidos precisamos passar por grandes transformações pessoais e acreditar que somos seres espirituais vivendo uma experiência material na terra e que estamos sendo chamados a cumprir nosso propósito.

O nosso propósito

E como conhecer o propósito? Como saber qual é a nossa vocação?

Não existe um método, uma formula ou receita. Para conhecer o que nos enche a alma precisamos ter um auto conhecimento e conexão com nossa espiritualidade. Conhecer nosso infinito potencial, nossas crenças limitantes e como rompe-las para sermos nós mesmos.

Sermos seres de infinitas possibilidades nos traz também infinitas oportunidades no trabalho. Para isto, não existe uma formula mágica e cada um escolhe o caminho que vai se sentir em casa.

Uma linguagem que parece conhecer há muito tempo, que está conectado desde sempre. Não importa a religião, a crença, ou mesmo o caminho.

Mas, escolher algum caminho que faça sentido, no meio de tantos disponíveis, é imprescindível.

Na minha caminhada, de mais de trinta anos, convivendo com carreiras, propósitos, sucesso e fracasso vou chegando a conclusão que não importa qual o caminho que a pessoa escolheu como auto conhecimento, o que importa é que procurou algum. É uma trajetória sem volta que nos traz grande percepção externa, possibilitando uma empatia e uma energia sem limites.

Isto que a Holos, hoje, proporciona: um cardápio de caminhos e facilitadores para que todos possam escolher a forma mais amorosa que faça mais sentido para cada um.

E mostrar que é  maravilhosa a trajetória da missão pessoal, através do propósito do trabalho.

bem-estarPowered by Rock Convert